Hummus de pimento assado

Já lá vai algum tempo deste a última receita aqui no blog! A de hoje é perfeita tanto para snack salgado, como para servir de base para uma refeição principal. Podem usar nas marmitas de praia e piqueniques, que estes dias quentes tanto pedem! Esta receita fez parte dos 5 showcookings que dei aquando do evento Movimento Portugal Contra a Dor e foi altamente aprovada por todos os participantes. Por isso, aqui está ela!

Já faço este hummus há cerca de um ano e é o meu preferido de sempre…e eu já experimentei imensas outras combinações e sabores diferentes! Esta receita é perfeita para quem gosta de sabores intensos e bem marcados. Dois ingredientes dão a este hummus um sabor e aroma bem diferenciados: o pimento assado e o pimentão fumado em pó.

Utilizo sempre o pimento vermelho, e pode ser assado e grelhado. Conseguem encontrar este tipo de pimentos já prontos à venda, ou então podem fazer os vossos, sobre uma boca de fogão a gás, grelha ou forno. Qualquer que seja o modo de preparo, é importante retirar depois a pele do pimento.

Em relação ao pimentão fumado em pó, é mesmo o ingrediente secreto desta receita. Utilizo em muitos pratos e já deixei muitas pessoas fascinadas com esta especiaria, nos meus workshops! É diferente do vulgar pimentão doce – ao comprar, têm de garantir que a embalagem tem a indicação “fumado”. Por vezes encontra-se à venda em grandes superfícies na zona das especiarias e, no Porto, costumo comprar na Casa Chinesa. Se não encontrarem esta especiaria, podem usar o pimentão doce normal.

Hummus de pimento assado
 
Tempo de preparação
Tempo de cozimento
Tempo total
 
Autor:
Tipo de receita: Lanche/petisco
Cozinha: Vegan, sem glúten
Porções: 6 doses
Ingredientes
  • 250gr de grão de bico cozido
  • 1 pimento assado, escorrido
  • 2 colheres de sopa de tahini
  • Sumo de ½ limão
  • 2 colheres de sopa de Azeite
  • ½ colher de chá de pimentão doce fumado
  • 1 dente de alho
  • ½ colher de chá de sal
  • Pitada de pimenta preta
Instruções
  1. Colocar num processador todos os ingredientes e processar até obter uma consistência cremosa.
  2. Se necessário, adicionar mais um fio de azeite.
  3. Servir com tostas ou palitos de legumes.
  4. Dura até 1 semana, num recipiente bem fechado no frigorífico.

 

Cogumelos à bulhão pato

Petiscos salgados, deliciosos, com pouquíssimos ingredientes e que ficam prontos em poucos minutos, quem não adora? É o caso desta receita dos cogumelos à bulhão pato!

Para quem ainda não sei, sou pessoa de salgados. Consigo passar indiferente aos bolos, queques, chocolate, rebuçados…mas confesso que não resisto a um petisco salgado de vez em quando. Como a maioria deles não são tão interessantes para a saúde (mas uma pessoa também tem que “alimentar a alma”, certo?), crio algumas receitas igualmente satisfatórias, mas saudáveis.

A receita que vos trago hoje foi inspirada nesta receita da minha amiga Patrícia, do blog Not Guilty Pleasure. Já agora, visitem o blog dela! Tem imensas receitas 100% vegetais de babar e todas super fáceis.

Vamos falar sobre um dos ingredientes desta receita: os coentos. Confesso que provavelmente é a erva aromática que menos gosto. Na maioria das receitas, sabem-me a sabão (quem for do Alentejo, pode julgar-me à vontade)! No entanto, se mesmo nesta combinação não gostarem do sabor dos coentros, podem usar salsa fresca.

Em relação aos restantes ingredientes, por serem tão poucos, não há muitas substituições possíveis. Os cogumelos que resultam melhor são os paris, também conhecidos por cogumelos brancos, e têm mesmo de usar frescos (os de lata não resultam bem). Em relação à fonte de acidez, podem usar sumo de limão ou vinho branco. Se usarem vinho, tenham a certeza que deixaram evaporar o álcool.

Sem muito mais a acrescentar, vamos à receita?

 

5.0 from 1 reviews
Cogumelos à bulhão pato
 
Tempo de preparação
Tempo de cozimento
Tempo total
 
Autor:
Tipo de receita: Entrada
Cozinha: Vegano, sem glúten
Porções: 2 doses
Ingredientes
  • 300gr de cogumelos paris pequenos, cortados em quartos
  • 3 dentes de alho, picados grosseiramente
  • Mão cheia de coentros frescos, picados grosseiramente
  • Sumo de 1 limão pequeno (ou 100ml de vinho branco)
  • 3 colheres de sopa azeite
  • 1 colheres de chá de mostarda
  • Sal grosso q.b.
Instruções
  1. Numa frigideira ou wok, começar por aquecer o azeite em lume médio. Adicionar os dentes de alho e cozinhar durante breves segundos, até libertarem o aroma.
  2. Adicionar os cogumelos, temperando com sal e sumo de limão/vinho branco. Deixar cozinhar em lume baixo, durante cerca de 2 minutos ou até libertarem os sucos.
  3. Por fim, adicionar os coentros e mostarda e cozinhar durante mais um minuto.
  4. Servir imediatamente, com pão torrado.
Notas
Podem guardar também os cogumelos num frasco, no frigorífico durante 24h, para consumir frios como se fossem uma espécie de pickle.